Posts com a Tag: #Ela Mulher

Quem sou eu para além dos filhos?

Título do post

A maternidade chegou duas vezes sem pedir licença, sem que eu me planejasse em todos os sentidos. Mudou completamente minha vida, meus caminhos, minhas escolhas e principalmente minha relação com tempo, com as prioridades. Por duas vezes mergulhei no buraco vazio de se perder atrás dos filhos. Não encaro a perda como algo ruim. É perda no sentido de mergulho profundo no abismo mesmo. Assustador, sem garantias, algo que acontece longe do controle… Foi muito complicado num primeiro momento entender e acolher esses sentimentos. Ser mãe jovem trouxe essas contradições ainda mais latentes… E depois da fusão total, da entrega absol [...]

Aquilo que um homem procura em uma mulher

Título do post

Minha primeira fossa de amor, antes dos 8, curti ao som de Leandro e Leonardo naquele famoso CD da década de 90. Aquele da montagem (hoje tosca) de cada um olhando pro lado…           Esse texto passa longe de criticar ou julgar o sertanejo, porque hoje sei da importância de acolher / fazer as pazes com minhas raízes. Até mesmo pra quebrar com elas com mais sabedoria, menos rancor. Acontece que minha mãe passava os dias ouvindo esse tipo de música e eu acabava ouvindo também. Durante toda infância / adolescência. Tão década de noventa!!!! Retomando, Minha primeira fossa de amor curti ao som de: &ldq [...]

Mulheres Famintas

Título do post

Vou compartilhar aqui trechos de uma entrevista maravilhosa que acabei de ler via Renata Côrrea por Léia Almeida. Bogi Fabian, La malattia dell’anima, 2010, óleo sobre tela, 50 cm x 50 cm x 2 cm Mulheres Famintas. “Uma cultura focada na magreza feminina não revela uma obsessão com a beleza feminina. É uma obsessão sobre a obediência feminina. Fazer dietas é o sedativo político mais potente na história das mulheres; uma população passivamente insana pode ser controlada”. ‒ Naomi Wolf … Muitas mulheres que conheço se queixam de que os homens não as olham e que elas estão i [...]

Descobri que amo as mulheres (que escrevem).

Título do post

  Descobri que sou apaixonada pelas mulheres! As que escrevem são minhas favoritas. Pra si mesmas, além de tudo. Se outra pessoa ler, é lucro. Se outra se identificar, é gozo. Mulheres vivas e mortas. Mulheres que escrevem porque não conseguem carregar tantas palavras no coração. Porque a poesia jorra do cotidiano. Só a poesia me salvará do tédio do cotidiano. A poesia ou as drogas. Todas elas… as proibidas e as permitidas. A coca cola, o brigadeiro e o comprimido. Toda forma de recompensa que acalme meu ego inflamado, quase mimado. Meu ego insatisfeito. Meu ego é uma criancinha implorando atenção. Aos dez [...]

Ela e seus problemas pra digerir

Título do post

    E o que ela poderia fazer com aquele nó na garganta? Meio entalado. Mal engolido…. Digerir nunca foi sua especialidade!!! Demorava anos processando  nós antigos… E mesmo depois de um tempo, regurgitava aquilo que ela nem imaginava ainda não ter sido processado. Ela nunca foi muito boa na digestão. Por isso, talvez, a gordura. E a sujeira. E a solidão. Ela colecionava coisas antigas e paixões mal resolvidas. Ela gostava da segurança de sempre ter pra onde correr. Mesmo que não fosse acolhida. Seus processos eram lentos, duros… Apegava-se até a tristeza, ou aquilo que não a fazia t&atild [...]